A fraqueza Sexual ou impotência masculina não é apenas o problema de partes sexuais

Disfunção erétil (ou também chamada de “impotência”) – falha de uma ereção, durante a qual a rigidez, a forma e o volume do pênis de um homem o impedem de ter relações sexuais. Os representantes dos problemas sexuais mais fortes com a potência interferem não apenas com a atividade sexual total, mas também danificam seu estado mental. Muitas vezes, a disfunção erétil está associada a uma série de outras doenças ou transtornos mentais e ocorre menos comumente como uma doença autônoma. Só na Ucrânia de 2 a 4 milhões de homens sofrem desta doença.

Alguns sintomas como dor durante a ereção realmente pode ser um sinal de doença de Peyronie outra condição inteiramente. Em suma, a fraqueza sexual é um problema onde os machos perdem a sua ereção, devido à pré-termo ejaculação precoce ou diminui o desejo sexual. A fraqueza Sexual ou impotência masculina não é apenas o problema de partes sexuais não funcionar corretamente, de fato, ela pode estar relacionado a muitos outros problemas e dores no corpo.

Como alguém pode, independentemente (mas aproximadamente, é claro) determinar qual é a causa da impotência: fator psicológico ou distúrbios orgânicos? Se a ereção é instável (o membro não mantém a dureza durante a relação sexual), com um alto grau de probabilidade pode-se falar de distúrbios orgânicos. Mas se uma ereção desaparecer completamente, é, curiosamente, um bom sinal. “Não vale a pena” – esta descrição do problema pode ser um indicador de problemas psicológicos se a ereção espontânea da manhã ou da noite persistir. No entanto, deve ser lembrado que nem todos os problemas psicológicos que uma pessoa pode enfrentar por conta própria, às vezes você precisa da ajuda de um psicólogo ou sexólogo para restaurar a vida sexual normal.

A maioria dos homens explica problemas de ereção (potência) por distúrbios psicológicos. No entanto, foi demonstrado que, em 80% dos casos, a DE tem uma natureza orgânica e surge como uma complicação de várias doenças somáticas.

Estes incluem diabetes, doenças vasculares, distúrbios neurológicos, distúrbios hormonais, lesões. Além disso, distúrbios da função sexual podem ser um efeito colateral de tomar certos medicamentos, uma conseqüência da cirurgia e lesões na região pélvica.

Contribuir para o desenvolvimento da impotência: alcoolismo, tabagismo prolongado, uso de drogas, prostatite, cuja causa mais comumente são doenças infecciosas não tratadas ou subtratadas sexualmente transmissíveis (clamídia, ureaplasmose), bem como vida sexual irregular, estresse e um estilo de vida inativo.

Além disso, uma ereção reduz o uso de drogas que inibem qualquer função do sistema nervoso central. Esforço físico excessivo, bem como o acúmulo de músculos enormes, “tomando” um grande número de hormônios sexuais, reduz a potência. Acesse para saber mais em Grandrox XL.

Scroll to top